RSS

Centro de Inovação Microsoft na Faesa

07 abr


Alunos ganham Centro de Inovação Microsoft no campus I

 

Na
última quarta-feira (19), foi inaugurado no campus I, na Avenida
Vitória, o Centro de Inovação Microsoft do Espírito Santo, um espaço
para capacitar estudantes e profissionais da área de Tecnologia da
Informação a fim de atender às demandas do mercado.

A instituição foi escolhida para sediar o 10º Centro – uma parceria
com a Microsoft e a Alliances – com a proposta de estimular o
desenvolvimento da indústria local de software e permitir a
qualificação dos alunos dos cursos de graduação em Ciência da
Computação e Sistemas de Informação, e dos tecnólogos em Sistemas e
Redes.



Na
inauguração, o diretor geral da Faesa, Alexandre Nunes Theodoro,
destacou que esse é um momento ímpar para os alunos se qualificarem.
“Muitos projetos e trabalhos em 3D são importados de fora. Agora os
estudantes e profissionais poderão se capacitar sem sair do Estado. O
setor produtivo está investindo muito no Espírito Santo e temos no
mínimo mais 17 anos de crescimento pela frente.


Precisamos exportar
conhecimento e a proposta é que nosso Estado vire referência em
educação no cenário nacional e internacional nos próximos três anos”,
disse.

Paulo Cunha, diretor do Setor Público da Microsoft, ficou
impressionado com a capacidade e potencial de crescimento do Estado.
“Esse é o primeiro centro no qual verifico o alinhamento entre o
acadêmico e o governo, esse último dando suporte de sustentabilidade, e
não assistencialista. A contribuição da Microsoft é pequena frente aos
desafios que estão por vir”, contou.

O secretário de Estado do Governo, Neivaldo Bragatto, comparou o
Centro de Inovação Microsoft a uma estrada. “A coisa mais alegre para o
governo é inaugurar uma estrada, porque isso traz desenvolvimento. Na
Faesa não é diferente. Essa é uma estrada do conhecimento, que irá
exportar muita mão-de-obra ainda”, completou.

O coordenador da Unidade de Computação e Sistema da Faesa, Rober
Rosi, ressaltou que a palavra inovação está inserida no mercado
nacional e internacional de tecnologia, e que agora, a Faesa também faz
parte desse contexto. “Os eventos de computação começavam no Sul,
subiam para São Paulo, Rio de Janeiro e pulavam o Espírito Santo. Agora
chegou a hora do Estado também fazer parte dessa rota”, frisou.


A
estrutura física do centro contará com um escritório de projeto com
nove estações de trabalho e um laboratório de capacitação com 24
computadores.  Entre os serviços que serão oferecidos pela unidade
estão: apoio na adoção de novas tecnologias por parte das empresas da
região, além de cursos de formação para estudantes e profissionais da
área de TI. Nesses cursos, os estudantes receberão treinamento na
utilização das ferramentas Microsoft.


Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 07/04/2008 em Tecnologias

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: